CCC-Mitologia Clássica: exercício de reescrita

Crónicas de um viajante

Já não me lembro porque parti.
Na altura os motivos pareciam válidos mas hoje parece que tudo o que fiz desde que parti foi em vão.
Conquistas foram feitas. Mas a que preço?
Hoje quero voltar casa mas já não sei onde fica.
Procuro dentro de mim e só encontro um vazio imenso.
Percorro o horizonte com o olhar mas este nada alcança.
Viajo por aldeias, cidades e países.
Navego por rios e mares.
Cruzo os céus.

A minha pátria continua perdida assim como todos os meus.

Será que algum dia encontrarei o caminho de regresso?
Será que ainda estará tudo como dantes?
A casa como a deixei. Os amigos em alegre convívio. Os meus pais junto à lareira conversando amenamente.
E tu? Será que tu esperaste por mim?
A saudade aperta-me o peito. Tento vislumbrar um futuro em que já esteja junto de vós mas neste momento não me é possível.
Conheci tanta gente nestes últimos anos, tantas culturas mas as únicas caras que ansiava ver eram as vossas.
Será que tu minha pátria ainda estás?

Ainda te lembras de mim?
Sei que pensas que sim mas eu nunca te esqueci.

Vânia Ilharco (aluna de Comunicação, Cultura e Organizações 2013-14)

 

One comment

  1. Bonito texto. O nostos de Ulisses deixou mesmo marcas… Quando tomamos como nossos os sentimentos ilustrados nos mitos, a mitologia cumpriu o seu objectivo: tornou-se património!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s